Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Opiniões e Postas de Pescada

Opiniões e Postas de Pescada

09
Out18

Tanto mar, tanto mar

Miúda Opinativa

Eu cresci com as novelas da Globo. Muito pouco nacionalista nisto do entretenimento, preferi sempre as novelas que vinham daquele lado do Atlântico. 

 

Isto fez com que tivesse começado a gostar muito do Brasil - apesar de nunca lá ter ido. Embora o conhecimento seja limitado, claro, sempre achei muita graça à cultura, às pessoas, ao modo despreocupado de viver. Gosto do sotaque, da alegria. E sempre tive o desejo de visitar aquele país.

 

Mas, admito, hoje em dia essa vontade dissipou-se. Ontem, quando estava no comboio, ouvi um senhor brasileiro a falar ao telefone sobre o caso de um Mestre de Capoeira, que desenvolvia uma série de actividades de cariz social e que era contra o Bolsonaro, foi assassinado por um apoiante daquele candidato. Fiquei a olhar para o senhor, ele desligou a chamada e disse-me "Está complicado", e voltou-me a contar a história. E eu só consegui dizer "não se percebe".

 

O Brasil é um país com um potencial enorme mas com um também enorme problema de corrupção. E agora, está a pagar a moeda mais cara dessa corrupção - a muito provável eleição de um fascista, xenófobo, homofóbico. Eleição democrática, à semelhança do que aconteceu com a eleição de Hitler em 1932.

 

E tudo isto é muito triste. E preocupante. Vivemos tempos estranhos e tenho algum receio do que está para vir.

 

Para os Brasileiros, tentarei guardar-vos um cravo e mandar-vos um cheirinho de alecrim.

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D