Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Opiniões e Postas de Pescada

Opiniões e Postas de Pescada

20
Ago18

CP... Outra vez a CP.

Miúda Opinativa

Ser utilizadora dos Transportes Públicos constitui, frequentemente, uma enorme prova de resistência. Resistência física e psicológica. Às vezes apenas uma destas, outras vezes, na maioria delas, ambas ao mesmo tempo. 

 

No dia 10 de Agosto, como escrevi por aqui, fui para o Algarve no Alfa-Pendular. Saí de Lisboa com um atraso de 20 minutos, a carruagem não estava particularmente fresca, mas a viagem acabou por se fazer sem grandes precalços. 

 

Cheguei ao Algarve e tive a minha semana de férias que pretendia - sopas e descanso. Muita praia, corridas com o melhor cenário, muitas braçadas no melhor mar. Enfim, o que eu queria. 

 

Até que ontem foi dia de regressar. Vim, novamente, pela CP, mas desta feita no Intercidades e em 1ª Classe. 

 

E ao chegar à minha carruagem (depois de me ter enganado na carruagem e ter ido parar a uma outra em perfeitas condições), percebi o que significa, para a CP, uma carruagem de 1ª Classe. Significa, pois claro, uma carruagem com sauna incorporada. 

 

Ao sentir o calor, pensei, ingenuamente, que tinham desligado o A/C momentaneamente... Mas ao reparar nas pessoas que iam ali, percebi que não... Eu vi leques a abanar, vi crianças em tronco nu, vi pessoas completamente transpiradas. Perguntei ao rapaz que ia ao meu lado há quanto tempo é que aquilo estava assim e ele disse que desde Faro... Desde Faro. 

 

Sim, o Ar Condicionado estava avariado. Mas SÓ na minha carruagem, aparentemente. 

 

O Revisor, que não tem culpa nenhuma das condições das carruagens, também não ajudou com as suas respostas idiotas. A dada altura, parecendo (mas só parecendo) que estava mais fresco, teve a lata de dizer "olhe, agora está mais fresco, é melhor que nada". 

 

Foram horas de sofrimento, em que o calor era imenso. E isto, para quem tem tensão baixa (guilty) é muito complicado de gerir. Suava por todo o lado, sentia-me suja e só queria chegar a Lisboa. Foram as 3 horas de viagem mais difíceis, fisicamente, da minha vida. E só não digo psicologicamente porque enfim. 

 

Mas como se isto não bastasse, como se isto não fosse suficiente, a dada altura ficámos sem luz na carruagem. Mais uma vez... apenas na nossa carruagem. Esse problema foi resolvido mais rapidamente, mas, ainda assim, não se admite. 

 

Estou cansada da CP. Tenho que usar a CP todos os dias, para trabalhar, mas estou cansada. Estou cansada que as carruagens estejam no estado em que estão e que quem lá trabalha não tenha o mínimo de tacto nem de cuidado. Que as políticas não compensem o estado das carruagens. 

 

Ontem, durante 3 horas de viagem, nunca mais vi o Revisor nem ninguém da CP. Ninguém estava minimamente preocupado com os passageiros - que incluíam crianças e idosos, população especialmente vulnerável a estas situações de calor. Ninguém se preocupou em oferecer águas aos passageiros. Ninguém sequer passou para ver os bilhetes. 

 

E isto enerva-me e revolta-me. Porque pagamos por um serviço que não corresponde minimamente às expectativas. E continuamos a andar alegremente por aqui como se nada fosse. 

 

Obrigada CP. Obrigada. 

2 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D