Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]


Um post sobre nada... E sobre tudo

por Miúda Opinativa, em 16.03.17

Ontem, enquanto estava no banho, dei por mim a reflectir sobre a Felicidade (claro, é sempre quando estamos no banho ou a querer dormir que temos estas grandes reflexões filosóficas). 

 

O que é a Felicidade? Será que a Felicidade é mesmo uma escolha, como tantos gostam de dizer? 

 

Às vezes, eu acredito que sim. Que somos nós, face às situações que nos vão surgindo na vida, que vamos escolhendo a forma como vamos lidando com elas e a forma como elas influenciam a forma como vamos vivendo. Às vezes, e não tendo só a ver com a "Felicididade", acredito que somos nós que, face às vicissitudes da vida e ao nosso passado, escolhemos a forma como queremos viver. Se queremos viver "apesar de" ou se queremos viver "porque". 

 

No entanto, e estando agora num momento da minha vida ligeiramente reflexivo, dou muitas vezes por mim a pensar que se calhar, querer ser feliz, por si só, não basta. Eu quero ser feliz. Eu quero muito ser feliz. No entanto, alturas há em que reconheço que o querer ser feliz não é suficiente. E reparem, são alturas em que não acontece nada de especial para ficar menos feliz. São simplesmente alturas em que por mais que eu queira, em que por mais que eu faça por ser feliz, por mais que eu diga que eu tenho mais razões para ser feliz do que para ser infeliz, sinto que isso não é suficiente. Sinto que tem que haver mais qualquer coisa, não necessariamente externo, para conseguir atingir essa felicidade. 

 

Se calhar, para além do querer, existirá também além alguma predisposição genética para sermos felizes. A verdade é que nós somos uma conjugação entre contexto e genética e, como tal, a Felicidade não foge deste jogo. Se calhar, algumas pessoas (e não falo de mim), por mais que queiram, por mais que lutem, nunca conseguirão atingir essa felicidade que é uma escolha. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 09:08


10 comentários

Imagem de perfil

De jabeiteslp a 17.03.2017 às 08:43

Deixo o desejo de um feliz fim de Semana
à "Nova que caiu"


Xoxo de aqui da Serra

Parabéns ao Texto, também.
Imagem de perfil

De Chic'Ana a 17.03.2017 às 08:52

Gostei muito desta reflexão! =)
(Espero que gostes do resultado final, já lá está )
Beijinhos
Imagem de perfil

De Miúda Opinativa a 17.03.2017 às 09:43

Gostei muito do resultado final :) Obrigada! :)
Imagem de perfil

De Chic'Ana a 17.03.2017 às 09:45

Obrigada eu!!
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 17.03.2017 às 19:56

Acho que vou seguir este blog.
Gosto destes textos ligados à Psicologia.
E mesmo que não saiba comentar, leio.
Imagem de perfil

De Miúda Opinativa a 17.03.2017 às 22:38

Bem-vinda! :) Mas não quero que te desiludas nem tenhas expectativas muito altas: este não é um blog sobre Psicologia nem escreverei por aqui coisas muito científicas. No máximo (e é isso que tenho feito), relacionarei a Psicologia com alguns assuntos sobre os quais opinarei - porque, lá está, a Psicologia está em todo o lado e "explica" ;)

Muito obrigada! :)
Imagem de perfil

De Maria Araújo a 17.03.2017 às 22:57


É um cantinho simpático e com textos interessantes.

Sem imagem de perfil

De Lápis Roído a 19.03.2017 às 00:49

Existe outra ocasião em que também paramos para pensar... e também tem a ver com casas-de-banho =P
Eu penso que a felicidade, mais do que o contexto ou a genética, é dependente das condicionantes que cada pessoa pode ter para atingi-la. Será mais estrutural do que propriamente conjuntural e ela pode depender de muitas variáveis que não são circunstanciais.
(Já consigo ;)
Imagem de perfil

De Miúda Opinativa a 19.03.2017 às 16:37

Ainda bem que já consegues ;)
Sim, é verdade que a felicidade depende de muitas coisas... Não existe uma fórmula matemática!

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D