Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Opiniões e Postas de Pescada

Opiniões e Postas de Pescada

05
Mai17

Oslo #2: Dia 1

Miúda Opinativa

Chegámos àquela que foi a nossa casa durante 3 dias já passava das 14h. Estávamos cansados, com sono (como disse no post anterior, ainda dormitámos no autocarro), mas decidimos que não íamos ficar em casa a vegetar.

 

Primeira paragem: supermercado para nos abastecermos. E aqui foi o primeiro contacto com a realidade cara da cidade: gastámos cerca de 45€ e comprámos água, queijo, pão, salmão, maçãs, leite, ovos e café Dolce Gusto (porque a casa tinha uma máquina de café que foi uma das suas grandes mais-valias. Sim, sou viciada em café ;) ).

 

Depois, voltámos a sair e decidimos deambular um bocado pela cidade. Não tínhamos nada programado: tínhamos visto alguns sítios onde gostávamos de ir e decidimos que na cidade, conforme nos apetecesse, logo traçávamos um plano.

 

A primeira paragem nesta deambulação foi o Food Hall Mathallen Vulkan, um mercado do género do Mercado de Campo de Ourique ou da Ribeira mas mais pequeno (e, aparentemente, mais organizado. Não o conseguimos assegurar porque não chegámos a lá ir à noite). É interessante, porque tem comida típica norueguesa mas, também, de outros pontos do Mundo, e com uma arquitectura muito gira. Está simples e bonito.

 

Ao sairmos, continuámos a deambular, sem grande destino, até que fomos ter à Oslo Central Station. Um pequeno à parte: eu gosto de estações centrais. É uma das minhas pancas, ah ah. Aquela não é assim uma beleza espectacular, mas é confortável. E foi lá que encontrámos um posto do Visit Oslo, onde finalmente conseguimos o nosso mapa para nos guiarmos pela cidade ;) Bebi também um café (já disse que sou viciada em café? :P ) e foi, novamente, um choque. Quase 2€ por um café muito curto e que não era bom. De todo. A menina era muito simpática, mas o café uma treta XD

 

De seguida, fomos ter aquele que eu elegi como um dos meus sítios favoritos de Oslo: a Opera de Oslo. Tem uma arquitectura brutal e uma vista absolutamente fantástica. No dia em que chegámos estava calor e sol, então, por mais estranho que pareça, ainda nos deitámos ali a apanhar sol. Éramos os únicos? Não. Havia lá muita gente a fazer o mesmo. Andámos lá por fora, subimos, descemos, entrámos... E é absolutamente fantástica. Por dentro, por fora, a vista sobre a cidade... Já disse que foi um dos meus sítios favoritos? :)

 

IMG_6715.JPG

IMG_6719.JPG

 

DSC_0970.JPG

 Foto do interior. Tentativa de foto artística, portanto XD

 

Depois da Ópera, continuámos a deambular, sem grande destino. Este primeiro dia foi, sobretudo, para sentirmos a cidade e os Noruegueses. Serviu para nos apercebermos, quase imediatamente, o quão diferentes eles são de nós.

 

Serviu para decidirmos que ao chegarmos a casa, iríamos pegar no mapa e delinearmos, então, o plano dos dias seguintes.

 

 

 

 

 

 

 

4 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D