Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Opiniões e Postas de Pescada

Opiniões e Postas de Pescada

10
Jul17

NOS Alive

Miúda Opinativa

Sim, eu fiz parte das 55000 pessoas que foram ao Alive na 5ª e na 6ª feira (e só não fui no Sábado porque decidi que seria prudente ficar em casa a estudar para o exame que vou ter nesta 5ª feira ou, pelo menos, a recarregar baterias para no domingo estudar).

 

E bem... Alt-J, The XX, Tiago Bettencourt e Foo Fighters foram espectaculares. Tipo... Awesome. Alt-J, The XX e Foo Fighters foram uma estreia minha; Tiago Bettencourt é aquele cantor a quem muita gente pouco ligou lá no recinto mas que eu, mesmo já o tendo visto ao vivo, ouvi com toda a atenção e que adoro, adoro, adoro. Tiago, se me leres, acredito que numa outra vida fomos um bonito casal :)

 

Alt-J: adorei. Descobri esta banda em 2014, no ano em que regressei à Faculdade (bem, já os tinha ouvido antes, mas com atenção, foi só mesmo em 2014) e lembro-me perfeitamente de os ter ouvido em loop quando estava a estudar para os exames do 1º semestre. Ao vivo foram espectaculares, apesar de achar que a hora do concerto deles foi algo ingrata. É aquela hora em que as pessoas ainda estão meio dispersas, nas filas para brindes idiotas ou a comer, e que ainda há luz do dia. E bem... Os concertos à noite têm outra magia. Ainda assim, adorei :)

 

The XX: Os The XX são muito o meu estilo. Também os descobri há relativamente pouco tempo mas posso dizer que foram uma lufada de ar fresco em relação a tudo o  que se ouve na Comercial e afins. A sonoridade é espectacular, as letras têm significado e o sentimento que eles imprimem na actuação é tão bonito... Adorei :)

 

Tiago Bettencourt: Quando cheguei ao recinto,  ele já estava a tocar (pois é, isso foi uma novidade este ano para mim. Só cheguei ao recinto depois das 18 - não tirei o dia e só saí às 17 do trabalho) mas foi lindo. Lindo lindo lindo. Também acho que é uma hora ingrata - lá está, as pessoas estão a chegar, ainda há muita luz, ninguém presta muita atenção -, mas eu prestei e adorei :)

 

Foo Fighters: Que concertão. Mesmo. Duas horas e tal aos pulos (o meu joelho ia morrendo - mesmo), duas horas e tal a cantar, duas horas e tal a pensar "WOW". Adorei :)

 

Tive pena, muita pena, de não ter visto Parov Stelar, mas puseram-nos quase ao mesmo tempo de Foo Fighters. Assim, só vi o final da última música (ah ah). Para quem não conhece, aconselho vivamente :)

 

Valeu a pena. Pelo facto de só ter chegado depois das 18, foi uma experiência de Alive completamente diferente. Nas outras edições a que fui, fui para lá bem mais cedo, com tempo de ver todo o recinto e espreitar os stands das marcas (embora nunca tenha ficado em nenhuma fila para brinde - sem pachorra nenhuma para isso). Este ano não. Foi "só" mesmo ver os concertos. Mas... Não é esse o objectivo de um festival? ;)

1 comentário

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D