Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Opiniões e Postas de Pescada

Opiniões e Postas de Pescada

06
Abr17

Fragmentado

Miúda Opinativa

Na terça-feira passada, vi o Fragmentado (ou Split, no original), de Shyamalan, com James McAvoy no principal papel. 

 

Já há algum tempo que tinha vontade de ver este filme. A personagem de James McAvoy sofre de Transtorno Dissociativo de Personalidade (uma das Psicopatologias que eu considero mais interessante) e só isso tornou o filme como "de interesse" para mim. É verdade, eu não sou de Psicologia Clínica, não sou psicóloga, mas estas coisas para mim são suficientes para me porem alerta. Se calhar, a minha ida para Psicologia não foi assim tão despropositada como às vezes eu acho. 

 

Bom, adiante.

 

De uma forma geral, gostei do filme, embora não o tenha considerado, de todo, genial. A forma como este transtorno é abordado parece-me razoável. Não entram em explicações demasiado científicas, mas permite-nos ter uma ideia de como funciona e do quão complexa esta psicopatologia é e das consequências que pode trazer. Como referi em cima, para mim é uma das psicopatologias mais interessantes. Já imaginaram? Uma pessoa ter mais do que uma personalidade e cada uma dessas personalidades ter características completamente distintas umas das outras e, por vezes, até incompatíveis. O ser humano consegue ser, de facto, fascinante.

 

O James McAvoy está simplesmente espectacular. Não é fácil interpretar, num único filme, tantas "personagens" diferentes, e ele fá-lo de forma brilhante. Aliás, acho que o melhor do filme é mesmo o James McAvoy.

Gostei, também, da forma como o filme foi realizado e da forma como intercalou a história principal com os flashbacks de uma das raparigas raptadas.

 

No entanto, não gostei do final - ou dos últimos 10 minutos, vá. Este é o realizador do Sexto Sentido, aquele filme que nos últimos minutos nos fez questionar a nossa capacidade de interpretar o mundo à nossa volta. E neste filme, isso não aconteceu. Nem era esperado, atenção, mas aquele final foi demasiado "tipicamente filme americano". Não gostei. Ainda assim, nos últimos segundos há uma referência a um outro filme deste realizador, o Protegido, que eu não apanhei (foi o meu namorado que me alertou para a coisa), mas foi giro.

 

Resumindo e baralhando: apesar deste final, gostei e sim, aconselho ;)

6 comentários

Comentar post

Mais sobre mim

foto do autor

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D